Travessa Fidele Érgilis Sana - Gildo, 41, Encantado, RS
(51) 3751-2255 •

CODEVAT DESTACA IMPORTÂNCIA DA PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE NA PRIMEIRA ETAPA DA CONSULTA POPULAR

  09 de agosto de 2022
Vale do Taquari - O Conselho de Desenvolvimento do Vale do Taquari (Codevat)  enfatiza a importância da comunidade regional indicar projetos a serem incluídos entre as propostas a concorrer com recursos da Consulta deste ano.

A primeira etapa da Consulta Popular, que iniciou no dia 20 de julho, está sendo realizada no formato digital pelo aplicativo Colab. O cidadão, após fazer o seu cadastro no aplicativo, lança a sua proposta em forma de postagem com a descrição da ideia, justificando sua importância para a região. É permitido ainda incluir imagens que auxiliem na exemplificação dessa ideia.

Neste ano  serão incluídas quatro propostas de, no mínimo, três áreas diferentes na cédula de votação da região. Da mesma forma que em 2021, o projeto que receber mais curtidas/apoio, na primeira etapa, constará na cédula de votação sem precisar passar pelas Assembleias do Codevat, somente para ajustes, caso o Conselho entenda como necessário.

Estão disponíveis as seguintes categorias para envio das propostas: Agricultura; Inovação, Ciência e Tecnologia; Turismo; Esporte e Lazer; Cultura; Direitos Humanos e Assistência Social; Obras e Habitação; Trabalho, Emprego e Renda; Meio Ambiente e Infraestrutura; Transporte e Infraestrutura; Desenvolvimento Econômico. As propostas publicadas no aplicativo estarão disponíveis para interação com “curtidas/apoio” e “comentários”.

O período de envio das propostas iniciou às 7h do dia 20 de julho de 2022 e segue até as 23h59min do dia 10 de setembro de 2022.

No Vale do Taquari, os dois projetos mais votados neste ano vão dividir o valor de R$ 1.571.428,57. A votação em cédula das propostas da Consulta Popular ocorre das 7h do dia 14 de novembro às 23h59min do dia 23 de novembro de 2022.

Para ter acesso ao ambiente de votação, o cidadão precisará informar dados pessoais, entre eles, o número do título de eleitor, o CPF e a data de nascimento. O voto é pessoal e intransferível.